MEDITAÇÃO DO "SE NADA DER CERTO"

O que é dar certo? Ganhar dinheiro? Ser reconhecido profissionalmente? Ter uma carreira de sucesso?

Para um espiritualista universalista como eu, dar certo, em uma vida, é cumprir (e até ultrapassar) os objetivos e metas traçadas antes da reencarnação.

Será que conseguimos? Poucos conseguem... a maioria derrapa e tem que voltar tudo novamente...

Um gari pode ser muito mais evoluído do que um médico. Uma margarida pode estar num estágio evolutivo anos-luz à frente de um engenheiro.

Vejam, por exemplo, como andam as classes políticas do nosso país... quantos advogados, letrados, diplomas com MBAs... e o quão são sombrias suas almas!!!

Fico imaginando aquela molecada do colégio que promoveu a festa do "Se nada der certo", menosprezando profissões aburdamente úteis e probas.

Visualize aquele menino de classe média, mimadinho de 16 anos...

Ele desperta, se troca, toma banho. Quando vai tomar seu café da manhã, a casa está suja e ele tem que lavar um copo para beber seu leite. A empregada não veio... Vai pegar o ônibus, e os motoristas e os cobradores não foram trabalhar. Vai de Uber ou de táxi... Quanta grana!!!

Sai da escola e passa na padaria, ele está com fome. Mas, não tem nenhum atendente. Ele terá que se servir. Fica nervoso e sai. As ruas estão um lixo, mal cheirosas, com um odor pútrido insuportável... Os lixeiros não foram trabalhar, os garis e as margaridas estão de greve.

E o lixo de dentro e de fora de casa se acumula. Não há serviçais. Ninguém pode ajudá-lo. Passou no McDonalds e não está funcionando, não há balconistas...

O que ele vai fazer da vida?

Agora as ruas estão tomadas por baratas e ratos, sua casa está imunda. E os profissionais do "se nada der certo" não existem mais...

Ele sobreviverá? Ou se transformará em um profissional que ele próprio recriminou?






Comentários

Postagens mais visitadas